Recurso de mais de R$ 5,5 milhões garante atendimento no HNAS dentro da gestão da Prefeitura

Recurso
Recurso de mais de R$ 5,5 milhões garante atendimento no HNAS dentro da gestão da Prefeitura

O secretário reforça que até abril a administração municipal assume mais 25% da unidade hospitalar, ação que já está prevista no acordo de transição

Desde o dia 1º de janeiro, a Prefeitura de Paulo Afonso assumiu 25% da gestão do Hospital Nair Alves de Souza. Desde então, à gestão municipal cabe a responsabilidade da maternidade e leitos neonatais, bem como a ortopedia.

O processo de transição faz parte de um acordo realizado por vários órgãos, que inclui entes da esfera municipal, estadual e federal e dentro deste ajuste, um aporte financeiro de mais de R$ 5,5 milhões chegou ao cofre municipal nesta última semana. De acordo com o secretário de Saúde, Ghiarone Garibaldi, o valor é um repasse do governo federal para o atendimento anual dentro das áreas de responsabilidade da administração municipal na unidade de saúde.

“Esse recurso faz parte do acordo de transição do HNAS para a Prefeitura e isso nos dá ainda mais condições de ofertar um serviço de saúde cada vez melhor, atendendo à população”, ressalta Ghiarone. Ele explica que desde que a Prefeitura assumiu a ortopedia, a demanda reprimida das cirurgias ortopédicas já está sendo normalizada e que a equipe está trabalhando para incrementar o atendimento na maternidade e neonatal. O valor absoluto do repasse é de R$ 5.507.778.60 (cinco milhões e quinhentos e sete mil, setecentos e setenta e oito mil e sessenta centavos).

O secretário reforça que até abril a administração municipal assume mais 25% da unidade hospitalar, ação que já está prevista no acordo de transição. “Já entramos em contato com o Ministério da Saúde sobre os outros 25% que será assumido pela Prefeitura. Ainda não sabemos quais os setores que passaremos a gerir, isso será determinado pelo Ministério, mas será a partir de abril”, conclui.